A alvorada da nova consciência


Hoje, o nascer do dia no Rio de Janeiro foi mais um espetáculo da natureza. Em contraste com a madrugada anterior que encerrou o carnaval, o Sol, gigante, ia subindo, e o céu escuro, aos poucos, foi passando do roxo ao laranja até chegar num azul muito claro, e o mar de águas transparentes e ondas calmas trazia uma sensação de profunda paz. Na vida de um indivíduo e na história da humanidade também temos essas fases contrastantes. Depois de um tempo mergulhados nas demandas dos instintos, buscando a satisfação de interesses superficiais, há um momento em que entramos num silêncio interior semelhante aos últimos minutos da madrugada que anunciam o despertar de algo novo, de algo que, finalmente, está pronto para começar. (foto: Flavio Veloso)


Tudo isso representa mais que uma nova fase para os seres humanos. O mais significativo é a liberdade para pessoas como nós que não abrem mão de viver no mundo com os pés no chão, produzindo e prosperando, mas que também não abrem mão de viver a sua espiritualidade de uma forma sadia, equilibrada e assim realizar o ideal da vida plena, em todos os sentidos.

Posts Recentes
Arquivo
Siga
  • Facebook Basic Square

+55 (21) 98050-8080